CMAM

Centro Municipal de Atendimento Multidisciplinar comemora um ano de atividades

O CMAM constitui-se em uma parceria entre FMS e Secretaria Municipal de Educação (SEMEC)

03/04/2018 | 12:05 Imprimir Enviar por email
Centro Municipal de Atendimento Multidisciplinar comemora um ano de atividades

O Centro Municipal de Atendimento Multidisciplinar (CMAM) completou um ano de atividades hoje, 3 de abril. Durante toda a semana o centro realizará comemorações com usuários, familiares e profissionais. O CMAM já beneficiou 253 unidades de ensino, com uma média de 1.200 atendimentos ao mês. Em um ano de funcionamento o centro já realizou 6.106 sessões terapêuticas, além de 1.183 atendimentos médicos, totalizando 7.289 atendimentos multidisciplinares.  A partir deste mês os atendimentos multidisciplinares no local vão ser duplicados, através de parceria com uma clínica conveniada com o Sistema Único de Saúde (SUS).

“O grande diferencial do CMAM é a união entre os terapeutas, que atendem dentro de um mesmo espaço físico, mantendo contato próximo um com os outros. Sempre fazemos reuniões para que se avalie a evolução dos usuários, a evolução familiar e avalie também como está essa criança dentro do ambiente escolar. Essa comunicação entre os profissionais, família e escola, diante do problema de aprendizagem é o que favorece a rápida evolução da criança aqui no CMAM”, afirma Daianny Macedo, psiquiatra do CMAM.

O CMAM constitui-se em uma parceria entre FMS e Secretaria Municipal de Educação (SEMEC). A FMS contratou recentemente mais três profissionais para o CMAM, que agora funciona nos turnos manhã e tarde. 

“Desde o maternal ele apresentava dificuldade de atenção. As professoras disseram que ele tinha algum problema, mas nós em casa não percebíamos. Quando ele mudou para outro colégio e eles pediram novamente para que nós procurássemos um especialista. Aí procuramos uma faculdade particular para fazer o primeiro atendimento dele. Só que como era um tratamento muito longo e tínhamos que ir a muitos lugares diferentes tivemos que abandonar o tratamento dele com o nascimento do nosso outro filho”, diz Alexandro Portela, pai de Maicon Douglas, 7 anos, estudante da Escola Municipal Barjas Negris, do bairro Renascença.

Ele completa dizendo que gostou por ter conseguido atendimento no Centro Municipal de Atendimento Multidisciplinar. “Aí hoje nós começamos novamente o tratamento com ele, aqui no CMAM. Creio que dessa vez vamos poder continuar até o fim, pois aqui tem todos os profissionais que ele vai precisar em um mesmo local. Nesse atendimento inicial a Neuropediatra identificou alguma dificuldade de aprendizagem dele e nos encaminhou para realização de exames. Eu achei interessante, pois os exames já foram marcados aqui mesmo e já vamos é buscar fazer todos eles”, enfatiza.

  • Centro Municipal de Atendimento Multidisciplinar comemora um ano de atividades
 
Tags: fms CMAM

Adicionar Comentário