SAÚDE MENTAL

CAPS II Norte encerra projeto de empreendedorismo com feira

Os usuários do CAPS II Norte passaram por aulas com empreendedores locais

CAPS II Norte encerra projeto de empreendedorismo com feira

Uma feira de vendas marca o encerramento do Projeto de Empreendedorismo: Turma Poty Velho, promovido pelo Centro de Atenção Psicossocial (CAPS) II Norte. Hoje (04) e amanhã (05), seus usuários estão apresentando e vendendo seus produtos no Centro Administrativo (a partir das 7h da manhã), e no dia 07 (sexta-feira) eles estarão no Hall da Câmara de Vereadores de Teresina.

 

O projeto se iniciou em agosto e, durante todo o semestre, os usuários do CAPS II Norte passaram por aulas com empreendedores locais e com o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (SEBRAE), onde aprenderam a produzir e comercializar produtos comoalimentos, artesanato e serviço de beleza. Segundo a coordenadora do CAPS, Érica Machado, o objetivo é despertar uma postura empreendedora nos usuários, oferecendo orientações básicas sobre empreendedorismo e promover articulações intersetoriais.

 

“O projeto foi idealizado pela terapeuta ocupacional Fabíola Albino e a psicóloga Alda Ribeiro, que atuam no CAPS II Norte. Nosso público alvo foram os usuários da rede de atenção psicossocial com dificuldade de se inserir no mercado de trabalho e que apresentem habilidades para produção de itens vendáveis”, explica Érica Machado. “A importância do projeto esteve em apresentar aos usuários novas oportunidades de uma vida independente, em que se sintam capazes de executarem seus projetos pessoais no que diz respeito ao empreendedorismo”, disse a coordenadora.

 

O CAPS é um Centro de Atenção Psicossocial de referência e tratamento para pessoas com sofrimento psíquico. É um recurso em saúde mental, constituindo-se em um serviço substitutivo ao modelo asilar, de assistência extra-hospitalar que diminui e procura evitar reinternações psiquiátricas, buscando a ressocialização do indivíduo. Seu objetivo é oferecer atendimento à população realizando o acompanhamento clínico e reinserção social dos usuários, contribuindo para o resgate da cidadania em função da discriminação por ser acometido de sofrimento psíquico.

 

 O CAPS pode ser procurado por homens e mulheres maiores de 18 anos que apresentam sofrimento psíquico, que impossibilite de viver e realizar seus projetos de vida. Para serem atendidos, os pacientes devem procurar diretamente o serviço ou ser encaminhado pelo Programa de Saúde da Família (PSF) ou por qualquer serviço de saúde. A pessoa pode vir sozinha ou acompanhada devendo, preferencialmente, procurar o CAPS que atende na região onde mora.

 

O horário de funcionamento do CAPS é de 8h às 18h, de segunda a sexta-feira. No CAPS, o usuário encontra psiquiatra, psicólogo, enfermeira, terapeuta ocupacional, assistente social e uma equipe de apoio, que oferece atendimentos individuais, em grupo, atividades comunitárias, oficinas terapêutica e atendimento para a família (visita domiciliar, grupo de familiares).

Tags:
fms

Comentários (0)


 
 

Fundação Municipal de Saúde de Teresina - FMS

Endereço Web: http://fms.teresina.pi.gov.br/noticia/2289/caps-ii-norte-encerra-projeto-de-empreendedorismo-com-feira